Etiqueta do carregador de formulários
AEB BIOQUÍMICA LATINO AMERICANA S.A.
Directions and map

Enzimas

Graças à longa e consolidada experiência adquirida no campo das biotecnologias, criámos uma linha completa de enzimas para a enologia com o objetivo de dar respostas às novas exigências do mercado. Com as enzimas AEB é possível otimizar as fases de clarificação dos mostos e vinhos, reduzir os tempos de flutuação, melhorar a extração dos precursores aromáticos terpénicos e tiólicos, e obter vinhos com mais estabilidade proteica e intensidade corante.

Filtrar por

Tudo
AFINAMENTO-ELEVAGE
ANTIOXIDÁSICA
CLARIFICAÇÃO
ESTABILIZAÇÃO MICROBIOLÓGICA
EXPRESSÃO AROMÁTICA
MACERAÇÃO

AS ENZIMAS PARA AS VINIFICAÇÕES

 

As enzimas para o vinho são substâncias de natureza proteica que desempenham a atividade de catalisadores bioquímicos acelerando o decorrer de várias reações. A nossa empresa tem investido inúmeros recursos para obter as mais avançadas tecnologias produtivas e dar respostas às crescentes exigências qualitativas e procura por preparações enzimáticas com elevado grau de pureza. O nosso departamento de Investigação e Desenvolvimento trabalha constantemente com os caldos fermentativos de estirpes selecionadas Aspergillus Niger e/ou Trichoderma Harzianum, para a recuperação, purificação e produção de misturas com atividades enzimáticas específicas.

 

GAMA DE ENZIMAS AEB: PECTOLÍTICAS E PREPARADOS LÍQUIDOS

 

A gama de enzimas AEB disponibiliza um vasto leque de produtos capazes de dar resposta a todas as necessidades da adega. Dispomos de preparados enzimáticos pectolíticos para otimizar a clarificação de mostos e vinhos e enzimas para o tratamento de uvas botritizadas, que inativam as polifenoloxidases presentes no mosto. Para melhorar a eficácia da flutuação e reduzir o seu tempo criámos enzima líquida para flutuação. Entre os produtos mais inovadores, está Endozym Thermostep 1 & 2, junção de dois preparados enzimáticos específicos para a termovinificação.  Disponibilizamos formulações indicadas para aumentar a extração dos aromas varietais; facilitar a clarificação dos mostos obtidos por maceração pelicular a baixas temperaturas; melhorar a extração dos precursores aromáticos tiólicos para realçar ao máximo as características aromáticas varietais da uva.

 

Para obter uma ação antibacteriana no início da fermentação ou ao engarrafamento, disponibilizamos Lysocid W, preparado à base de lisozima com função antibacteriana sobre bactérias lácticas e, mais em geral, sobre bactérias gram-positivas. Por fim, para reduzir a possibilidade de contaminações por Brettanomyces, desenvolvemos uma formulação enzimática à base de quitosano e paredes celulares de leveduras que assegura a eliminação das leveduras Brett e a absorção dos fenóis voláteis, compostos que conferem ao vinho odores desagradáveis.